Notícias

Projetos em defesa dos direitos dos autistas são aprovados

Após sancionada a Lei, os autistas e acompanhantes poderão ter prioridade no atendimento, além de carteirinha de identificação

          A Câmara aprovou na noite desta segunda-feira, 20 de maio, dois projetos em defesa das pessoas com autismo, de autoria do vereador Sidney Ferreira. Agora os projetos seguem para serem sancionados pelo Prefeito e então se tornar Lei.

           O Projeto de Lei 294/2019 que Institui no Município de Formiga a Carteira de Identificação do Autista %u2013 CIA, já o Projeto de Lei 293/2019 que obriga a inserção do símbolo mundial de conscientização do transtorno do espectro autista, tal símbolo se configura como uma fita, feita de peças de quebra-cabeça colorida, nas placas de atendimento prioritários no município .

           O autismo caracteriza-se por dificuldades significativas na comunicação e na interação social, além de alterações de comportamento, expressas principalmente na repetição de movimentos, como balançar o corpo, rodar uma caneta, apegar-se a objetos ou enfileirá-los de maneira estereotipada. 

           O atendimento preferencial para autistas já é realidade em diversos municípios do Brasil. Apesar disso, poucas cidades obrigam seus estabelecimentos a indicarem o símbolo do autismo em suas placas preferenciais.

           Para o vereador Sidney Ferreira, autor do projeto, isso mostra que, aos poucos, a sociedade está reconhecendo a necessidade das pessoas especiais. "É importante porque muitos ainda não entendem que, para o autista, ficar em filas pode ser um sofrimento. E, para os pais, acaba sendo um constrangimento, pois o autismo não é algo que as pessoas veem de cara. Muita gente ainda confunde a inquietação do autista com pirraça", destacou.

Textos relacionados